Tecnologia mais fina que fio de cabelo gera hologramas com mais qualidade

Atualizado: 21 de Jul de 2020


Você sabe qual o tamanho de um nanômetro? Considere o diâmetro de um fio de cabelo como referência. Calma, ainda precisamos diminuir um pouco mais. Que tal então tomarmos como base uma célula humana? Sinto informar, mas ainda não é o suficiente. Está bem, chega de mistério: um nanômetro é o equivalente a um bilionésimo de metro, ou, se preferir, o mesmo que um milímetro dividido por um milhão. Apesar de microscópicas, estruturas em escala nanométrica estão presentes em nossa rotina dispostas a nos oferecer uma série de aplicações.A próxima delas, inclusive, pode ser a tecnologia desenvolvida por pesquisadores da Escola de Engenharia de São Carlos (EESC) da USP capaz de gerar hologramas com mais qualidade. Produzidas à base de silício em sua forma cristalina, novas nanoestruturas transmitem com maior intensidade o laser que incide em sua superfície, resultando em imagens mais definidas, tridimensionais e sem os chamados “fantasmas”. Saiba mais em: https://bit.ly/2Z6i3JD